| Mariologia

O que é mariologia?

O presente artigo visa esclarecer como se estuda a Virgem Maria e apresenta a nova sessão do setor de formação. O estudo de Maria visa aumentar o conhecimento e o amor à Mãe de Jesus...

—A disciplina Mariologia ou Marialogia (as duas formas estão corretas) estuda e analisa Maria na sua relação central com o Mistério de Cristo, a partir dos textos bíblicos, da Tradição, da História do Dogma e do Magistério da Igreja.
O objetivo da Mariologia consiste em atualizar o conhecimento nas Ciências Teológicas possibilitando condições básicas de interpretar de Maria na sua relação central com o Mistério de Cristo através de seu tempo, como também, perceber como Deus se manifesta através dos fatos e como o povo vivência a sua fé através da história. A mariologia visa compreender a importância de Maria dentro do plano da salvação; situar Maria a partir de Cristo, centro da salvação, e possibilitar a verdadeira veneração de Maria, dentro do culto cristão; e desenvolver uma reflexão consistente e coerente da Mariologia em consonância com os demais tratados teológicos e analisar a verdadeira devoção mariana e sua contribuição na Igreja.
As fontes do estudo de Maria são:
1. Sagrada Escritura;
2. Os escritos dos primeiros cristãos (Os padres da Igreja);
3. Textos do magistério universal e latino-americano;
As passagens bíblicas consideradas estritamente mariológicas são:
1. Mt 1,6 Genealogia de Maria;
2. Mt 1,18-25 (narrativa sobre o drama de José); 
3. Mt 2,1-9 (adoração dos magos);
4. Mt 12,46-50 (Maria na vida pública de Jesus);
5. Mc 3,31-35 – Mt 12,46-50 (Eis aqui minha mãe...);
6. Mt 13,53-58; Mc 6,1-6; Jo 2,12; 7,1-10 (A família de Jesus); 
7. Lc 1,26-38 (Anúncio do anjo);
8. Lc 1,39-45.55-58 (Maria e Isabel);
9. Lc 1,46-55 (Magnificat);
10. Lc 2,16-19 (Maria junto ao presépio);
11. Lc 2, 22-35 (Purificação de Maria);
12. Lc 2,19.51 (Coração de Maria);
13. Lc 2,41-52 (Jesus aos doze anos);
14. Lc 8,19-21 (Mãe e irmãos de Jesus);
15. Lc 11,27-28 (Louvor à Maria);
16. At 1,14 (Perseverar com Maria);
17. At 2,1 (Pentecostes);
18. Jo 1,13; 6,42; 7,41-43; 8,41 (—Concepção virginal);
19. —Jo 2,1-11.12 (—Bodas de Caná);
20. —Jo 19,25-27 (Aos pés da cruz);
21. Gl 4,4 (Mariologia paulina);
22. Ap 12 (A mulher e a Igreja);
Uma síntese da imagem de Maria em cada Evangelho seria:
1. —Marcos: mulher convocada a deixar os privilégios de família biológica
2. —Mateus: mãe virginal;
3. —Lucas: Discípula ideal que ouve, acolhe, medita e realiza a Palavra de Deus; a peregrina na fé; a representante dos cristãos comprometidos com a nova sociedade; a mulher iluminada pelo Espírito Santo;
4. —João: a mãe-irmã da comunidade de fé que peregrina neste mundo, em meio à glória e à perseguição;
Os principais documentos do Magistério universal e latino-americano são:

1. Constituição Apostólica Munificentissimus Deus sobre a definição do dogma da Assunção de Nossa Senhora em corpo e alma ao Céu (Pio XII, 1º de novembro de 1950);

2. Carta Encíclica Fulgens Corona sobre a Indicação do Ano Mariano (Pio XII, 8 de setembro de 1953);

3. Carta Encíclica Ad Caeli Reginam sobre a Realeza de Maria 
e a instituição da sua festa (Pio XII, 11 de outubro do ano de 1954);

4. Capítulo VIII da Constituição Dogmática sobre a Igreja Lumen Gentium (21 de novembro de 1964);

5. Carta Encíclica Mense Maio por ocasião do mês de maio (Paulo VI, 29 de abril de 1965);

6. Exortação Apostólica Signum Magnum  consagrada ao culto  da Virgem Maria,  Mãe da Igreja  e modelo de todas as virtudes (Paulo VI, 13 de Maio de 1967);

7. Exortação Apostólica Marialis Cultus para a reta ordenação e desenvolvimento do culto à Bem-Aventurada Virgem Maria (Paulo VI, 2 de fevereiro de 1974);

8. Carta Encíclica Redemptoris Mater sobre a Bem-Aventurada Virgem Maria na vida da Igreja que está a caminho (João Paulo II, 25 de março de 1987);

9. Carta Apostólica Rosarium Virginis Mariae sobre o Rosário (João Paulo II, 16 de Outubro de 2002);

10. Capítulo VI do Documento de Aparecida (V Conferência Episcopal Latino-Americana, 13 a 31 de maio de 2007);

11. Final do documento Evangelii Gaudium (Francisco, 24 de novembro de 2013);

O setor de formação do Site da Arquidiocese de São Paulo - Região Santana apresentará alguns textos elucidativos sobre Maria a fim de que se possa conhecer a Mãe de Jesus com profundidade para o aumento da fé e da verdadeira devoção.
Bom estudo!
 
Autor: Marcos Eduardo Melo dos Santos (Mestrando em Teologia Bíblica - PUC-SP; Mestrando em Letras Clássicas - USP).

Marcos Eduardo Melo dos Santos